Centro Cultural Oscar Niemeyer na Espanha será aberto ao público neste sábado | PiniWeb

Arquitetura

Centro Cultural Oscar Niemeyer na Espanha será aberto ao público neste sábado

Primeiro empreendimento do arquiteto no país tem auditório, espaço de exposição, mirante e edifício polivalente

Da Redação
25/Março/2011

Será inaugurado amanhã para o público o Centro Cultural Oscar Niemeyer, em Avilés, Principado de Astúrias, na Espanha. Este é o primeiro empreendimento do arquiteto brasileiro no país europeu. O local havia sido aberto no aniversário de 103 anos do arquiteto, em dezembro do ano passado, mas só agora o acesso ao público será liberado.

Divulgação: Centro Cultural Oscar Niemeyer
Obra foi construída toda em concreto, marca do arquiteto

O projeto do Centro Cultural foi doado pelo arquiteto à Fundação Príncipe de Astúrias como uma forma de agradecimento ao prêmio recebido da instituição em 1989. Com uma área construída de 14,3 mil m², o empreendimento é composto por um auditório com capacidade para 900 espectadores, um espaço de exposição de cerca de 4 mil m², um mirante e um edifício polivalente que abrigará cinema, salas de ensaio, de reuniões e de conferências, entre outros espaços da administração. No exterior, há uma praça central para espetáculos e atividades ao ar livre.

"É um terreno muito esplêndido, com 200 m por 100 m, aberto sobre a paisagem, de modo que a ideia natural era criar uma praça", afirma Oscar Niemeyer em um vídeo explicativo do projeto. "De um lado, está o auditório e, do outro, o museu. Queria que o terreno estivesse limpo, no mesmo nível com os dois prédios, dando mais ênfase para a arquitetura", completa.

Para não deixar os dois prédios "soltos no terreno", o arquiteto projetou uma passarela para interligar o auditório e o museu. O edifício polivalente, por sua vez, fica ao fundo do terreno. "No prédio da administração, um bloco todo envidraçado sobre pilotis, foram a simplicidade e a flexibilidade interna que procurei atender em primeiro lugar", conta o arquiteto.

Já o auditório foi projetado como um palco aberto para a praça. Assim, tanto as pessoas que estão sentadas na plateia, como quem está do lado de fora do prédio consegue assistir às apresentações.

No museu, por fim, Niemeyer opta por contrastar a simplicidade da cúpula externa com um ambiente interno moderno. "O piso intermediário que projetei cobrindo parte do grande salão e criando níveis diferentes vai dar ao interior do edifício um aspecto mais leve e variado", afirma.

Divulgação: Centro Cultural Oscar Niemeyer
Local havia sido aberto no aniversário de 103 anos do arquiteto, em dezembro do ano passado

Divulgação: Centro Cultural Oscar Niemeyer
Projeto do Centro Cultural foi doado pelo arquiteto à Fundação Príncipe de Astúrias

Divulgação: Centro Cultural Oscar Niemeyer
Vista aérea do centro