Custo da construção volta a acelerar em outubro | PiniWeb

Custos

Custo da construção volta a acelerar em outubro

Parcela relativa a serviços liderou alta do INCC-M

Mauricio Lima
26/Outubro/2011
Marcelo Scandaroli
O Índice Nacional de Custo da Construção - M (INCC-M) registrou em outubro taxa de variação de 0,20%, resultado superior a setembro, de 0,14%. Os dados foram divulgados hoje (26) pelo Instituto Brasileiro de Economia (IBRE), da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Em 2011, o índice já subiu 6,68% e nos últimos 12 meses, a alta foi de 7,70%.
 
No quesito materiais e equipamentos, a variação foi de 0,23%, assim como no mês anterior. Os equipamentos para transporte de pessoas tiveram a maior alta (0,59%). A parcela relativa a serviços variou 0,34% no mês, ante 0,42% em setembro. Serviços pessoais registraram a maior alta na divisão de serviços (0,63%).
 
No índice relativo à mão de obra, houve variação de 0,16%, ante 0,01% no mês anterior. O índice relativo a profissionais auxiliares apresentou a maior alta no mês, de 0,18%.
Revistas Pini
Destaques da Loja Pini
Aplicativos