Obras em São Paulo passam a ser aprovadas pela internet | PiniWeb

Gestão

Obras em São Paulo passam a ser aprovadas pela internet

Ferramenta lançada esta semana deve diminuir tempo de espera em 30%, segundo diretor do Departamento de Aprovações de Edificações

Aline Rocha
14/Setembro/2012

Marcelo Scandaroli
Na última quarta-feira (12), a Prefeitura de São Paulo lançou o novo sistema de aprovação de obras pela internet.  A ferramenta tem o objetivo de modernizar o departamento de aprovações da cidade, além de diminuir o tempo de espera pela autorização.

Por enquanto, ainda é possível optar pelo processo físico ou online. Porém, de acordo com Alfonso Orlandi Neto, diretor do Departamento de Aprovações de Edificações (Aprov), o sistema online será a única opção para enviar os documentos a partir da próxima semana. "Estamos aguardando a emissão de um decreto regulamentador, que deve sair na terça-feira", afirma.

Atualmente, o sistema está integrado somente à Secretaria de Habitação e às subprefeituras da cidade. A expectativa, segundo Alfonso, é de que em dezembro deste ano todas as secretarias da prefeitura comecem a participar do processo.

Em relação ao tempo de espera pela aprovação, o diretor do Aprov diz que o processo eletrônico será mais rápido que o físico, já que não existe tramitação dos documentos e todos os setores terão acesso à informação ao mesmo tempo. "A expectativa não é mensurável, mas acredito que vá reduzir em 30% do tempo gasto hoje", ele completa, afirmando que o sistema também trará mais transparência aos processos de aprovação.

Para acessar o novo sistema, é necessário acessar o link do programa São Paulo Mais Fácil e escolher a Aprovação Eletrônica de Projetos. O processo deve ser iniciado por um profissional habilitado, que preencherá as informações necessárias e ao final, anexará os desenhos e documentos relativos à obra. O sistema então informará o proprietário de que foi feita uma solicitação e este deve validar o pedido.

Após o pagamento da guia de arrecadação, o sistema eletrônico enviará o número do processo ao proprietário e ao setor de aprovação responsável por aquela categoria de obra.