CUB do mês de outubro não apresenta variação | PiniWeb

Notícias

CUB do mês de outubro não apresenta variação

7/Novembro/2006
Índice
CUB do mês de outubro não apresenta variação
O CUB (Custo Unitário Básico) da construção civil paulista manteve-se estável (variação de 0%) em outubro, em comparação a setembro

O CUB (Custo Unitário Básico) da construção civil paulista manteve-se estável (variação de 0%) em outubro, em comparação a setembro. Em outubro, os custos das construtoras com mão-de-obra registraram queda insignificante (-0,03%). Os preços dos materiais de construção tiveram aumento inexpressivo (+0,03%). A média ponderada entre essas variações resultou no CUB de 0%.

Com esse resultado, o CUB acumulado no ano continua em 3,68%. E a variação do CUB acumulada em doze meses ficou em 4,16% no período encerrado em outubro. No mês passado, o CUB padrão da construção civil paulista (H8-2N) foi novamente de R$ 960,67 por metro quadrado.

Dos 70 insumos da construção cujos preços são pesquisados mensalmente pelo SindusCon-SP, 21 apresentaram em outubro variação superior à do IGP-M, que foi de 0,47% no mês passado.

Entre os maiores aumentos no mês, figuram:

Chapa compensado resinado (+4,05%)
Massa corrida para paredes (+2,85 %)
Granito polido para piso (+2,71%)
Tubo de cobre (+2,59%)
Cal hidratada (+2,52%)
Vidro liso transparente (+1,72%)
Azulejo branco (+1,46%)
Areia média lavada (+1,34%)
Bloco de concreto (+1,05%)
Brita 2 (+0,78%)

Veja também

Téchne :: Reportagem :: ed 208 - Julho 2014

Obra aberta